Edições Histórico dos Concertos Notícias Contactos
Notícias [Arquivo]

  Palácio Foz, Recital de Canto e Piano, 26 de Fevereiro - 19h00   voltar

-Inês Thomas Almeida, meio-soprano -Hendrik Heilmann, piano

Apoio da Embaixada da República Dominicana

Obras de J. Croner de Vasconcellos, C. Guastavino, M. de Falla, J. A. Hernández, R. Landestoy, J. Turina, E. Halffter, A. Ginastera, E. de Marchena e X. Montsalvatge



Inês Thomas Almeida
Nascida na República Dominicana, cedo se mudou para Portugal, onde cresceu como bilingue e com dupla nacionalidade. Concluiu o curso de Piano no Instituto Gregoriano de Lisboa, na classe de Luiza Gama Santos. Seguidamente, frequentou o curso de Canto na Universidade de Évora, sob a orientação de Liliana Bizineche. Obteve, em dois anos consecutivos, a bolsa de mérito da Universidade de Évora, concedida aos melhores alunos de cada curso.
Prosseguiu os seus estudos de Canto na Alemanha, na Escola Superior de Música e Teatro de Rostock, junto de Klaus Häger (Ópera de Berlim), tendo-os concluído 2008. Outros professores importantes na sua formação foram Christian de Bruyn, Karl-Heinz Zettl, Reinhard Schau, Markus Johannes Langer e Hartwig Eschenburg. Fez parte do Estúdio de Ópera daquela Escola, havendo representado em palco diversos papéis, nomeadamente «Orfeo», em Orfeo ed Euridice (Gluck), «Orsola», em Il Campiello (Wolf-Ferrari) e «Zia Principessa», em Suor Angelica (Puccini). Além disso, foi solista em diversos concertos e oratórias, tais como a Oratória de Natal (J. S. Bach) e o Messias (Haendel), entre outras obras.
Participou em diversas masterclasses, ministradas por Krisztina Laki, Jill Feldman, Teresa Berganza, Hanna Schwarz, Gillah Yaron, Claudia Eder e Norman Shetler.
Em 2008 fez a sua estreia profissional no Canteatro de Berlin, no papel de «Mercedes», na Carmen (Bizet). Seguiu-se a sua participação no Festival de Ópera Schloss Rheinsberg, no qual se apresentou como «Carmen», na Rheinsberger Sängernacht e nas produções de Die Weisse Dame (Boieldieu) e na Tarde Musical «Der singende See».
Inês Thomas Almeida é laureada do Concurso Internacional de Canto Schloss Rheinsberg (2008), no qual participaram mais de 450 candidatos oriundos de quarenta países. É também bolseira da Fundação «Yehudi Menuhin Live Music Now».



Hendrik Heilmann
Nascido em Berlim, em 1979, começou desde cedo a sua educação musical, sob a orientação de Dieter Zechlin e Paul-Heinz Dittrich. Em 1999, iniciou os seus estudos de Piano na Escola Superior de Música «Hans Eisler», naquela cidade, nas classes de Alexander Vitlin e de Susanne Grützmann. Em 2007 terminou a pós-graduação em Acompanhamento de «Lied», junto de Wolfram Rieger.
Frequentou também masterclasses ministradas por Christa Ludwig, Dietrich Fischer-Diskau, Irwin Gage e Thomas Quasthoff.
Em 2005 tornou-se professor das duas Escolas Superiores de Música de Berlim – a Escola Superior de Música «Hans Eisler», na qual ensina Correpetição Solística, e a Universidade das Artes, onde lecciona Acompanhamento de «Lied».
Aos 16 anos de idade foi vencedor do Concurso Internacional de Piano Steinway e, em 2005, recebeu o Prémio Especial de Acompanhamento de «Lied» no Concurso Internacional de Canto «La Voce», promovido pela Rádio da Baviera. É bolseiro da Fundação Yehudi Menuhin Live Music Now e do Círculo Richard Wagner.
Em 2002 foi convidado a participar no Festival de Salzburgo, no ciclo «O Poeta Convidado», juntamente com Robert Gernhardt. Hendrik Heilmann é, desde 2003, presença assídua no Festival de Música de Aix-en-Provence, no qual tem acompanhado masterclasses de Teresa Berganza, Hans Sotin e Gilles Cachemaille, bem como produções de ópera, sob a direcção de Sir Simon Rattle, Daniel Harding, Tugan Sokhiev e Paul Daniel.
Juntamente com Julie Kaufmann, apresentou-se no Festival de Ópera de Munique e no Festival de Bad Reichenhall e, em 2009, actuará, com Hanno Müller-Brachmann, numa série de recitais em Freiburg.
Hendrik Heilmann faz-se ouvir regularmente como músico de câmara da Konzerthausorchester de Berlim.

Programa

I

J. Croner de Vasconcellos
Ao desconcerto do mundo (Luís Vaz de Camões)
Descalça vai para a fonte (Luís Vaz de Camões)
No Turbilhão (Antero de Quental)

C. Guastavino
La Rosa y el Sauce (Francisco Silva y Valdés)

M. de Falla
Oración de las madres que tienen a sus hijos en brazos (Gregorio Martínez Sierra)
El Pan de Ronda (Gregorio Martínez Sierra)
Tus Ojillos Negros (Cristóbal de Castro)

J. A. Hernández
Pajarito cantador (poesia popular dominicana)

R. «Bullumba» Landestoy
Carita de Angel (Rafael Landestoy)

J. Turina
Poema en Forma de Canciones (Ramón de Campoamor)
I. Dedicatoria
II. Nunca olvida
III. Cantares
IV. Los dos miedos
V. Las locas por amor


II

E. Halffter
Ai que linda moça (poesia popular portuguesa)
Gerinaldo (poesia popular portuguesa)

A. Ginastera
Canción al árbol del olvido (Fernán Silva Valdés)

E. de Marchena
Te diría un secreto (E. Henríquez)
Anhelos (Apolonias Perdamos)
Mensaje (Ruben Suro)

X. Montsalvatge
Cinco Canciones Negras
I. Cuba dentro de un piano (Rafael Albertí)
II. Punto de Habanera (Néstor Juan)
III. Chévere (Nicolás Guillén)
IV. Canción de Cuna para Dormir a un Negrito (Ildefonso Pereda Valdés)
V. Canto Negro (Nicolás Guillén)

(JMP), 16-02-2009
Copyright © 2006-2018 Grupo MediaMaster. Todos os direitos reservados.